A+ A A-
09-04-2018

Venha exercitar seu cérebro na ANFIP-MG! Destaque

Avalie este item
(0 votos)

Cuidar da saúde deste órgão tão importante melhora seu desempenho nos estudos, na carreira e na terceira idade. Não perca!

A Associação promove, no dia 18/04 (quarta-feira), às 15h, em sua sede, uma ótima atividade para quem quer fazer uma verdadeira ginástica cerebral. Na ocasião, representantes da rede de franquias Supera - Ginástica para o Cérebro estarão na ANFIP-MG para ensinar exercícios que estimulam a capacidade cognitiva.

Esses exercícios estimulam os neurônios, a capacidade visual/espacial e a linguagem, proporcionando melhorias em habilidades como memória, concentração e raciocínio.

A ginástica cerebral é recomendada para todas as idades, cada uma com sua demanda, ou seja, aprendizagem mais efetiva, treinamento para concursos, aumento da capacidade laborativa, competitividade, autoestima e  envelhecimento com mais qualidade de vida.

É necessário confirmar presença até o dia 16/04 (segunda-feira).

Você sabia?

De acordo com uma pesquisa conduzida pela Conectaí, 40% dos brasileiros acima de 50 anos sofrem com a falta de memória. O número é preocupante, porém, a boa notícia é que existem técnicas e exercícios para turbinar esta habilidade.

Entre os diagnósticos mais comuns para a perda de memória, o estresse e o excesso de atividades são as principais causas apontadas na pesquisa. Porém, em 30% dos casos, os problemas de esquecimentos são causados pelo envelhecimento natural.

É comum apresentar falhas de memória com o passar dos anos. O cérebro pode começar a ter perdas cognitivas aos 30 anos de idade. À medida em que ele envelhece – assim como todos os outros órgãos do corpo-, os circuitos ficam menos estáveis e o hipocampo (região do cérebro responsável pelas memórias) fica menos eficiente.

Outra grande vilã do nosso cérebro é também a comodidade proporcionada pela tecnologia, pois ela muda a forma como ativamos nossa capacidade de atenção e, consequentemente, a nossa memória. Além disso, com a informação a um clique de distância, o cérebro não é desafiado e  portanto, não se esforça para aprender.

Exercitar e divertir!

Para driblar o efeito negativo do uso constante da tecnologia, a solução é praticar exercícios que estimulem nossa capacidade cognitiva — a qual pode ser desenvolvida por atividades que impulsionam as ligações entre os neurônios.

A prática de exercícios proporciona a criação de novas conexões entre os neurônios no cérebro (sinapses).  E quanto maior a densidade de sinapses no cérebro, maior é a nossa reserva cognitiva — a resistência da mente às lesões cerebrais.

No Brasil, existe uma rede de franquias totalmente dedicada ao desenvolvimento do cérebro, o Método Supera. Nas 270 unidades espalhadas pelo país, são usadas ferramentas como o ábaco (instrumento milenar para cálculos), jogos de tabuleiro, jogos virtuais, dinâmicas em grupo, apostilas com exercícios exclusivos e as neuróbicas (uma espécie de “atividade aeróbica para os neurônios).

Para equilibrar a falta de desafios da rotina padronizada que levamos, a ginástica cerebral é o caminho mais saudável e divertido. Participe!

Ginástica cerebral

Data: 18/04/2018 (quarta-feira)

Hora: 15h

Local: sede ANFIP-MG (Rua Carijós, 150, 7º andar. Centro - BH/MG)

CONFIRMAÇÃO DE PRESENÇA: até 16/04/2018 (segunda-feira), pelo tel: (31) 3201-3582.


Última modificação em Segunda, 09 Abril 2018 12:34
Rua Carijós 150, 7° andar - Centro - 30120-060 - Tel: 31-3201-3582 - Belo Horizonte - MG

Copyright by ANFIP-MG 2013. Todos os direitos reservados.

TPL_GK_LANG_LOGIN

Log in to your account or Criar uma conta

TPL_GK_LANG_REGISTER

User Registration
or Cancelar